quarta-feira, 16 de abril de 2008

In Jornal da Madeira - 16 de Abril de 2008

Conferência de imprensa de apresentação de "Choque Tecnológico"

Hoje, no Jornal da Madeira saiu o seguinte artigo:

COM.TEMA estreia peça a 17 de Maio

“A História “Rapidinha” do Funchal” é o nome da próxima comédia da COM.TEMA que será levada ao palco do Teatro Municipal Baltazar Dias de 17 a 31 de Maio. Esta comédia conta com as interpretações de Nuno Morna, Paulo Lopes, Pedro Ribeiro, Tiago Góis Ferreira, Mara Abreu e Marta Garcês.

A COM.TEMA (Companhia de Teatro da Madeira) vai levar à cena um novo espectáculo intitulado “A História “Rapidinha” do Funchal”, com textos de Pedro Ribeiro e de Nuno Morna, e que será apresentada de 17 a 31 de Maio no Teatro Municipal Baltazar Dias.
Com a ajuda de mais um actor, o jovem Tiago Goes Ferreira (apresentador do programa “Irreverências” da RTP-M), Nuno Morna, Pedro Ribeiro e Nuno Lopes vão contar praticamente toda a “história” do Funchal, sem sair do palco, ao longo de cerca de 90 minutos. A este elenco juntam-se também Mara Abreu e Marta Garcês que tiveram uma boa prestação em “Comichão Europeia”, a peça estreada pela COM.TEMA no ano transacto.
“História “Rapidinha” do Funchal”, refere Nuno Morna, é «uma comédia absurda. Tudo o que ali se ouve é perfeitamente irreal... ou não. E é desta cidade que amamos que vamos falar. À nossa maneira. Como sabemos bem-fazer.
Cada actor interpreta diversas personagens (30 no total), utilizando adereços básicos.
Com mais uma estreia, a COM.TEMA continua a pretender afirmar-se com o seu Teatro apoiado na modernidade, tendo por isso iniciado a sua actividade há sete anos, apresentando em 2002 uma produção de enorme impacto visual “Sax”, nomeada para o Prémio Nacional de Cenografia. Seguiram-se as peças “Vou-te Bater!” (2003), “Vou-te Bater... Outra Vez!” (2004), “Choque Tecnológico” (2005), Vou-te Bater!...O Regresso!” (2006) e “Comichão Europeia” (2007). Agora, a companhia de teatro, criada por Nuno Morna, promete provocar ainda mais gargalhadas com "A História "Rapidinha" do Funchal".

Odília Gouveia

3 comentários:

marta disse...

ahahahahaha* vai ser LINDO!=) MAL POSSO ESPERAR!

Anónimo disse...

Força Marta, és a maior *

Psat disse...

Bem... mal posso esperar pra ver, ja que falhei algumas das outra peças de teatro que decerto foram hilariantes... Mas esta tenho mesmo que ir... Ó Pedro Ribeiro, aqui o xavelhinha, vai estar lá, não na fila da frente como pediste pra não ser vitima das tuas xavelhices...., hehe...